terça-feira, 11 de dezembro de 2018

Niterói, RJ

Guardas municipais de São Gonçalo usarão arma de fogo em 2019

Publicado em 27/09/2018 - 14:12

 

A Câmara Municipal de São Gonçalo aprovou  com 21 votos a favor e apenas um contrário, em sessão desta quarta-feira (26), a mensagem do Executivo que permite o uso de armas de fogo pelos agentes da Guarda Civil Municipal. O presidente do Legislativo, Diney Marins, afirmou que no ano que vem os agentes da Guarda já deverão utilizar armas de fogo.

A expectativa agora é que a lei seja sancionada pelo prefeito José Luiz Nanci (PPS). Mas antes de entrar em vigor, caso seja sancionada, lei exigirá uma regulamentação para o uso dos armamentos, preparação dos agentes e testes clínicos psicológicos.

Guardas serão alvos de bandidos

Para o presidente da OAB São Gonçalo, Eliano Enzo, a medida se faz necessária porque o contingente da Polícia Militar no município é insuficiente para o proteger o cidadão, mas os guardas municipais deverão se tornar alvos de bandidos.

“Diante da necessidade de ter mais um batalhão de polícia, a GM armada vai poder atuar junto com a PM em prol da segurança pública. Ao mesmo tempo, o que me preocupa é a vida dos guardas, tendo em vista que agora eles passam também a ser alvos. Mas acho necessário, diante de um município com mais de 1 milhão de habitantes e com um contingente tão baixo no 7° BPM. Isso não seria necessário se São Gonçalo tivesse a atenção devida do Estado”, declarou.

Veja também

Deixe o seu comentário

PUBLICIDADE