terça-feira, 23 de abril de 2019

Niterói, RJ

Quase metade da frota da PM de Niterói está quebrada

Publicado em 26/02/2018 - 15:43

 

Durante uma caminhada de protesto contra a violência em Niterói, neste domingo (25), uma das viaturas que fazia a segurança dos moradores descontentes enguiçou. O fato inusitado, então, levou ao desabafo do comandante do 12ºBPM,  coronel PM Márcio Rocha.

“Esse alto número de carros fora de condições de patrulhar as ruas causa um grande problema, sobretudo na questão da visibilidade da polícia e na nossa capacidade de deslocamento e atendimento de ocorrências”, afirmou.

Siga-nos no Twitter e no Facebook

“Mas hoje temos sinalização do comando da corporação para a compra de novos automóveis e também a liberação, por parte do Estado, de verbas para a manutenção dos veículos. Também temos um convênio com a Prefeitura de Niterói, que fornece manutenção para parte da frota. Esperamos resolver esse problema ao longo do primeiro semestre de 2018”, acrescentou o coronel.

Segundo fonte da Polícia Militar, a instituição formalizou em janeiro a compra de 580 viaturas tipo sedan, sendo 530 rádios-patrulha e 50 descaracterizadas para serviço reservado. O resultado de pregão eletrônico realizado no dia 24 de janeiro, os novos veículos, da marca Ford Ka, custaram R$ 37,6 milhões, R$ 1,4 milhão a menos do que o valor previsto no edital de licitação aprovado pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE).

 

Veja também

Deixe o seu comentário

PUBLICIDADE