sábado, 21 de outubro de 2017

Niterói, RJ

Forças Armadas deixam a Rocinha após uma semana de ocupação

Publicado em 29/09/2017 - 15:06

Último grupo de militares deixou a comunidade às 7h30 desta sexta-feira (29).

0 - rocinha-tanques

As Forças Armadas deixaram a comunidade da Rocinha nesta sexta-feira (29), após uma semana na comunidade em meio a uma guerra entre facções rivais. Cerca de mil homens foram retirados do local. Os comboios começaram a deixar a comunidade por volta das 3h30 desta madrugada. O último grupo de militares do Exército saiu da Rocinha às 7h30.

Após a saída das tropas, homens do Batalhão de Operações Especiais (Bope) chegaram à comunidade. Desde que a disputa pelo poder do tráfico começou na comunidade, agentes do Comando de Operações Especiais têm feito ações constantes na Rocinha.

Curta NITERÓI URGENTE no Facebook. Siga-nos no Twitter

Segundo o porta-voz do Comando Militar do Leste, coronel Itamar, não cabe às Forças Armadas a prisão dos criminosos que estão foragidos. De acordo com ele, a ação das forças é com apoio operacional e ações de inteligência.

“A nossa contribuição nessas operações é num sentido de apoio às ações de segurança pública. Ou seja, o cerco para dar segurança e estabilidade para que as policias militar e civil possam fazer o seu trabalho de busca e apreensão”, explicou.

Veja também

Deixe o seu comentário

PUBLICIDADE