sexta-feira, 24 de novembro de 2017

Niterói, RJ

Linha de transmissão de Belo Monte trará energia do Pará ao Rio de Janeiro

Publicado em 29/09/2017 - 14:54

Sistema terá 2.518 quilômetros de extensão, com investimentos de R$ 9,6 bilhões

0 - linha-transmissão-para-rj

Rio – A distribuidora de energia State Grid Brazil Holding, de capital chinês, lançou hoje (28) a pedra fundamental do Projeto Xingu Rio, no município de Paracambi, região metropolitana do Rio de Janeiro. No local, será construída a segunda linha de transmissão da Usina Hidrelétrica de Belo Monte, que levará energia do Pará ao Rio de Janeiro, passando pelos estados do Tocantins, de Goiás e Minas Gerais.

Curta NITERÓI URGENTE no Facebook. Siga-nos no Twitter

O sistema terá 2.518 quilômetros de extensão, com investimentos de R$ 9,6 bilhões e será composto por uma linha de transmissão de 800kV e duas estações conversoras, com capacidade de transmissão de 4.000 megawatts (MW) de energia.

A obra será construída pela Xingu Rio Transmissora de Energia (XRTE), que é uma sociedade de propósito específico (SPE) criada pela State Grid Brazil Holding para implantar e operar o sistema de transmissão Xingu-Rio.

Importância

O ministro de Minas e Energia, Fernando Coelho, ressaltou que a obra é fundamental para o setor de infraestrutura do país. “Nós estamos falando de uma obra de mais de 2.500 quilômetros de extensão, do que há de mais moderno em linha de transmissão no mundo”. O ministro esteve recentemente na China, acompanhando o presidente da República, Michel Temer, onde teve a oportunidade de visitar o centro de comando e operação da State Grid. Ele disse que a visita o animou a pensar que “quem sabe, um dia”, a companhia chinesa possa ter em futuro próximo algo muito parecido no Brasil.

A expectativa é que o empreendimento gere 16 mil postos de trabalho ao longo da construção no país. A linha tem entrada em operação comercial prevista em dezembro de 2019 e vai contribuir para a expansão do Sistema Interligado Nacional (SIN).

A State Grid Brazil Holding opera no Brasil desde 2010, com foco principal no desenvolvimento da transmissão de energia elétrica. A companhia venceu o leilão da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) em 2015 para construir e operar o segundo bipolo de transmissão de Belo Monte.

AGÊNCIA BRASIL

Veja também

Deixe o seu comentário

PUBLICIDADE