terça-feira, 21 de novembro de 2017

Niterói, RJ

Prefeitura de São Gonçalo vai ‘despejar’ moradores de rua

Publicado em 17/10/2017 - 15:08

Grupo está desempregado e não tem para onde ir

Foto: Leonardo Ferraz

0 - moradoresderua-sg-Foto-Leonardo-Ferraz

Um grupo de vinte pessoas que perderam moradia e emprego e conseguiu abrigar-se na Praça da Bíblia, em Alcântara, São Gonçalo, agora perdeu também o sossego. A prefeitura está ameaçando tirá-lo do local, alegando que a praça será transformada em uma mini rodoviária.

No último dia 27 de setembro, segundo denúncia do jornal O São Gonçalo, agentes da Guarda Municipal e do Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua (Centro Pop) retiraram pertences das pessoas que estavam morando debaixo do viaduto de Alcântara e da Praça Chico Mendes. Porém, em menos de 24 horas depois, todas as pessoas voltaram a ocupar o espaço.

“Quem não gostaria de ter uma moradia? Adoraríamos ter emprego e um lugar para viver. Mas não oferecem qualquer solução. Pegam nossas coisas, jogam fora e fica por isso mesmo. Hoje, somos um grupo de quase 20 pessoas. Precisamos ficar juntos até pela nossa segurança. Meu sonho era ter um emprego”, disse Francisco Menezes, de 33 anos, morador no local.

Na mesma situação está Gedilson Silva Chaves, de 39 anos:

“Eu sou de Alagoas e vim para trabalhar. Atuava no restaurante de um hotel que faliu. Me vi obrigado a vir para a rua e aqui vivemos como dá”.

Veja também

Deixe o seu comentário

PUBLICIDADE